O desenvolvimento pessoal

Desenvolvimento pessoal

A busca pelo desenvolvimento pessoal é uma caminhada particular, cada pessoa vivencia de acordo com seus valores pessoais, com o que acredita ser benéfico e valioso para si.

Passamos boa parte de nossas vidas repetindo o que outras pessoas fazem, isso nem sempre nos traz felicidade ou realização pessoal.

Quando paramos para perceber o que estamos fazendo e rever o que realmente queremos para nós mesmos, podemos seguir em busca do que nos faz sentido, mas para isso precisamos nos despir das máscaras que por tempos carregamos.

Tentar ser o que não somos é um desperdício para com a pessoa que somos, caminhamos com mais propósito quando percebemos o que nos faz sentido, que nem sempre nos parece claro. Pode ser muito útil fazer uma pausa para compreender melhor o que estamos vivenciando, dando maior atenção para sua intuição e sentimentos.

"O que é ser livre? É não termos vergonha de sermos quem somos."
(Nietzsche)

Exercite estar presente, seja onde estiver. Não se ocupe demais pensando em como as coisas vão ser no futuro ou sobre como foram no passado, vivencie o momento atual. Olhe para onde está e o que está fazendo e sinta-se presente neste momento, cada momento é único e nunca se repetirá, aprecie a sua beleza.

Enquanto esperamos que grandes coisas aconteçam, como uma viagem especial, uma festa ou uma formatura, esquecemos de olhar para as pequenas coisas que nos acontecem a cada dia. Pequenas coisas, como tomar tranquilamente o café da manhã, apreciar uma paisagem ou passar um tempo com pessoas que você gosta, são momentos muito valiosos.

Muitas vezes pensamos que seremos felizes somente quando alcançarmos os objetivos que queremos, mas pode levar um tempo para chegar onde queremos, e quando chegarmos possivelmente já teremos novos propósitos. Não perca o foco de sua jornada, mas aproveite apreciar onde você está agora e o que já conquistou.

Lembre-se de seus sonhos e desejos quando criança, aproveite as oportunidades que surgem no seu caminho e aproveite os desafios como experiências de crescimento. A vida não é uma competição, competir com outras pessoas é um desperdício de tempo, a única competição que vale é consigo mesmo, quando procuramos ser melhor do que podemos ou quando deixamos de ser o que já não queremos ser.

"Ousar é perder o equilíbrio momentaneamente, não ousar é perder-se."
(Kierkegaard)

Enfrente os problemas e as dificuldades de frente, eles não vão deixar de existir se você não fizer nada, pelo contrário podem até aumentar se nada fizermos. Aproveite a sabedoria de suas experiências e tente também novas possibilidades para resolver, fazendo o que puder, quando puder. Com o passar do tempo tudo vai ficando mais leve.

Quando tentamos algo novo ou diferente é muito comum errar ou ter falhas, isso significa que está se esforçando, aprendendo e melhorando. Encare seus erros como possibilidades de aprendizagem e de se melhorar, use as pedras que tropeça para construir os degraus de sua escada. É positivo nos responsabilizar pelas consequências de nossas escolhas e nos dispor a melhorar o que for possível.

Procure filtrar o que ouvir de pessoas negativas, aproxime-se de quem encara a vida com bons olhos. Passe mais tempo com pessoas que você gosta, aprecia e se sente bem na companhia delas. Se aproxime de pessoas que realmente apreciam você, te aceitando como você é e como quiser ser. Procure novas relações com pessoas que refletem o você quer desenvolver.

Cultive a sinceridade com as pessoas e valorize quem você aprecia. Quando tiver algum problema, diga o que precisa ser dito, com respeito. Quando a relação estiver difícil, relaxe e avalie com calma o que pode ser feito, as experiências difíceis nos trazem crescimento. Não podemos controlar tudo o que acontece, mas podemos escolher como reagir com as coisas que acontecem.

"Não importa o que fizeram com você. O que importa é o que você faz com aquilo que fizeram com você."
(Jean-Paul Sartre)

Aprecie o mundo como ele é, e as pessoas como elas são, isso não significa se conformar com as coisas como são, mas apreciar o mundo como ele é, e as pessoas como elas são, em vez de tentar fazer com que tudo e todos tenham de seguir seu ideal. Aceitar não é o mesmo que concordar com o que não acha correto, mas valorizar as coisas como elas são.

Tem coisas que são mais difíceis ou demoram mais para serem modificadas. Quando gastamos todo nosso tempo, talento e energia com coisas que estão além de nosso controle podemos gerar muita frustração e nos sentir desmotivados. Procure investir sua energia nas coisas que você percebe que consegue modificar, mas não perca seu foco.

Lembre-se que uma longa viagem começa com um único passo. Seja qual for o seu sonho, todo dia dê um passo para que ele aconteça. Acredite que pode fazer alguma coisa nova antes mesmo que seja possível fazê-la, foque no que você quer que aconteça e caminhe em direção disso.

"Os loucos que acham que podem mudar o mundo, são os que efetivamente o fazem."
(Steve Jobs)

Quando passar por situações difíceis, encare-as e lide com as questões que surgirem. E também valorize o caminho que já trilhou, e lembre-se que você pode ir além!


Por Bruno Carrasco, psicoterapeuta que atua em favor da valorização de cada pessoa em sua singularidade, lidando com suas dificuldades e ampliando suas possibilidades de ser.
O desenvolvimento pessoal O desenvolvimento pessoal Revisado by Trilhando Autonomia em 22:02:00 Avaliação: 5
Conhecendo a Psicologia (ebook):
Entenda a Psicologia, sua história, suas principais teorias e aplicações, num ebook que apresenta de maneira didática e fácil. >Ver Mais!

Arte como Terapia (ebook):
Saiba como utilizar a arte para reduzir o estresse e a ansiedade, estimulando nossa percepção para uma vida mais leve e criativa! >Ver Mais!

Jornada do Autoconhecimento (ebook):
Atividades práticas e reflexivas para se conhecer mais profundamente, entenda melhor suas escolhas e o sentido da sua vida! >Ver Mais!

Tecnologia do Blogger.