Viver o momento presente


Viver o momento presente, sem se preocupar excessivamente com o futuro e não ficar remoendo o passado parece simples, mas para isso é necessário uma maior consciência de si e um certo esforço.

Quando vivemos no presente, aproveitamos as oportunidades que nos surgem, nos sentimos mais vivos e com maior autoestima.

Para você viver o presente, é preciso entender primeiramente que você já está no momento presente, agora mesmo. Não está no ontem, nem no amanhã, mas no momento que acontece agora, enquanto lê este texto. Aprecie esse momento, perceba em sua volta o que está acontecendo.

Observe a si mesmo, como está se sentindo, como está seu corpo, em que posição você está. Repare no ambiente, se há outras pessoas fazendo outras atividades, o que estão fazendo, se tem objetos ao seu redor quais são eles e como são, repare nos sons, no ar.

Deixe o passado passar, ele já aconteceu, não há nada que possa ser feito para mudar o que já aconteceu. O que podemos fazer é mudar o presente, o que estamos vivendo justamente agora, e se isso não for possível, podemos mudar a maneira como vemos o passado. Do mesmo modo o futuro, ele ainda não chegou e não há como controlar o que vai acontecer em nossas vidas, podemos fazer escolhas mas elas não são garantias.

Permita-se ser como você é, por vezes somos críticos com nós mesmos, isso pode ser positivo, mas em excesso nos impede, paralisa e nos joga para baixo. Quando seus pensamentos começam a controlar a sua experiência, você se distancia do que está vivendo e fica preocupado com o que está pensando.

Não se cobre muito por ser deste ou daquele jeito, você é melhor sendo como é. Todos somos humanos, passíveis de erros ou equívocos. Nossos erros são tentativas valiosas que experimentamos e que nos possibilitam aprender. Se algo não acontecer como esperava que fosse, tire um aprendizado dessa experiência. 

Quando estiver conversando com alguém tente focar no que a pessoa estiver dizendo ao invés de se preocupar com outras coisas. Aproveite a conversa, cada troca é uma oportunidade que temos para aprender e ensinar, perceba o quanto é interessante conhecer o que a pessoa tem para lhe dizer.

Não se preocupe tanto com os julgamentos das pessoas, não há como agradar a gregos e troianos, pois cada pessoa tira suas próprias opiniões sobre as outras, de modo que não precisamos nos preocupar em agradar ou ser aceito por todos.

Quando atravessamos por situações difíceis ou desagradáveis, é importante passar por elas ao invés de tentar ignorar e fingir que estamos bem. Permita-se sentir as emoções boas e ruins, tudo o que sentimos faz parte de nossa vida, experimentar as emoções que sentimos é viver o momento presente. Os sentimentos ruins são passageiros.

Se tiver com muitas atividades para fazer, tente se dedicar em uma coisa por vez. Quando fazemos muitas coisas ao mesmo tempo, não focamos muito bem em nenhuma delas. Os pensamentos vão pulando de uma preocupação para a outra. Algumas atividades podem demorar mais que outras, não se preocupe fazer o mais rápido possível, permita-se o seu tempo necessário para cada coisa.

Perceba-se enquanto estiver fazendo algo, perceba os movimentos de seu corpo e a maneira como você faz. Quando se sentir cansado ou estressado pode ser útil fazer uma pausa entre as tarefas, tirar um intervalo e deixar um tempo para sentar, respirar, passear e fazer outras coisas prazerosas.

Viva novas experiências. Escute músicas diferentes, os pássaros cantando. Observe os detalhes, como a cor dos olhos das pessoas, o desenho dos galhos das árvores, o reflexo da luz do sol. Visite um parque que nunca foi e aprecie a paisagem. Faça novas receitas, saboreie cada mordida, aprecie uma refeição lentamente.

A arte é uma maneira de se conectar com o momento presente.  Faça arte, pintura, poesia, música, tricô, fotografia ou qualquer outra. Escrever sobre seus pensamentos e sentimentos pode ajudar a se aproximar de suas emoções presentes. Praticar algum esporte também pode colaborar com que se sinta mais ligado ao presente, como correr, nadar, andar de bicicleta, fazer yôga, caminhar, etc.

Se ainda assim você não conseguir se focar no presente, pare e respire. Respire fundo, lentamente, inspirando profundamente pelo nariz e expirando pela boca. Foque-se no ar entrando e saindo do seu corpo. Se estiver difícil procure uma terapia que se identifique para auxiliar neste momento.

Adaptado por Bruno Carrasco, terapeuta existencial.
Viver o momento presente Viver o momento presente Revisado by Trilhando Autonomia em 22:21:00 Avaliação: 5
Conhecendo a Psicologia (ebook):
Entenda a Psicologia, sua história, suas principais teorias e aplicações, num ebook que apresenta de maneira didática e fácil. >Ver Mais!

Arte como Terapia (ebook):
Saiba como utilizar a arte para reduzir o estresse e a ansiedade, estimulando nossa percepção para uma vida mais leve e criativa! >Ver Mais!

Jornada do Autoconhecimento (ebook):
Atividades práticas e reflexivas para se conhecer mais profundamente, entenda melhor suas escolhas e o sentido da sua vida! >Ver Mais!

Tecnologia do Blogger.